Páginas

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Elune | A Vida Com Uma Loira Canina #29


Ser responsável por um membro da espécie canina como a Elune no Inverno, pode ser uma carga de trabalhos.
A Elune só faz as suas necessidades quando quer, da forma como quer.
Passo a explicar.
A nossa rua tem inclinação, ou seja, é a subir, ou a descer, dependendo da perspectiva. Pois a  Elune só faz xixi com o nariz apontado para a parte que sobe da rua.
Não faz xixi se o vento lhe bater na cauda, o que é uma dor de cabeça porque o vento sopra sempre do lado de baixo da rua. Ou seja, bate-lhe na cauda e ela vira se para trás a tentar morder a mão invisível do vento que teve o atrevimento de a despentear.
Só faz xixi depois de subir e descer a rua pelo menos 10 vezes e quer fazer no meio da rua. Mas quando falo no meio da rua, falo mesmo no meio... Estão a ver a crista que a maioria das ruas em paralelo fazem mesmo a meio? Pois, essa mesma. É óbvio que tenho zelo por esta cadela inconsciente e não deixo, mas muitas vezes ainda me leva para fora do passeio para a beira da estrada e é claro, é ver os carros a contornar a mancha loira agachada na rua a fazer o belo do xixi e eu a pedir desculpa aos condutores mal humorados...
Em relação à outra necessidade fisiológica, a Elune não é cadela de fazer tudo de uma vez.... não! Ela faz, eu apanho com o saquinho e meto no contentor e quando volto a olhar, lá está ela a arrear o calhau novamente... apanho novamente o "presente" e tenho sorte se não tenho um terceiro à espera.
Enquanto nisto estou a levar com chuva na tromba porque tentar segurar o guarda chuva já era.
Ah cadela, que ás vezes...... grrrr....
Cheers :)

Sem comentários:

Enviar um comentário

express yourself! :)

Mais Novidades?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...