Páginas

segunda-feira, 27 de abril de 2015

A Coragem.


Sou da opinião que, se só temos uma vida para viver, devemos a viver da melhor forma que pudermos.
A entrevista que Bruce Jenner (ex padrasto das famosas Kardashian), deu a Diane Sawyer, recolheu aplausos e criticas ao mesmo.
Eu louvo o facto de ele ter sido, finalmente, honesto. Principalmente consigo. Demorou a fazê lo, mas assumiu se.
Eu acordo todos os dias a sentir-me uma mulher e não quero imaginar a angústia que será viver num corpo e ter uma imagem no espelho que não reconhecesse como minha.
A vida é demasiado curta para fingirmos ser o que não somos.
Admiro a coragem que teve, mesmo sendo uma figura que está exposta a todos ângulos do publico. E todos nós sabemos o quão vil pode ser o ser humano, quando quer.
Cheers :)

Nós e a liberdade.


O dia da liberdade merece ser o dia mais importante do calendário dos feriados.
Temos o privilégio de ter na nossa vida uma das maiores preciosidades: a liberdade.
Quantas pessoas no mundo podem dizer o mesmo?
Aquilo que me permite, hoje, escrever este texto que vocês lêem.
Que vos dá liberdade para poderem assistir ao vosso programa preferido na tv, ao livre acesso de conteúdos na internet.
Quantas mulheres no mundo não dariam tudo para ter a liberdade que nós temos?  Para conduzir um carro? Para votar? Para falar livremente? Para vestir aquele vestido atraente e ir atrás daquele borracho giro?
Hoje em dia, tomamos este direito como certo e pouca significância consciente damos ao mesmo. Afinal, a maioria de nós, aqueles ou aquelas que hoje me lêem,  nasceram na liberdade.
Sejamos gratos pelo presente que os nossos pais lutaram para nos dar.
Viva a liberdade e tudo o que ela representa... mas lembrem-se: a nossa liberdade acaba quando interferimos com a liberdade do próximo.

Cheers :)

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Música de hoje :)


Sei que já postei esta, mas sei que preciso desta hoje.

Uma boa Sexta-feira.

Cheers :)

O meu Suzuki.



Já não é a primeira vez que relato que tenho um certo apego ao meu carro.
O meu pequeno, fofinho, lindo, velhote, branquinho, bolinhas, Suzuki Vitara.
Foi daquelas coisas de amor á primeira vez, sabem? Desde a primeira vez que o vi ali estacionado em cima de um passeio, apaixonei-me e sabia que aquela coisa maravilhosa ia ser o meu primeiro carro.
Contra a vontade do meu pai, que queria que eu comprasse um Fiat Punto, adquiri o pequeno jipe.
6 anos de pagamentos, muita vezes em que fiquei numa situação difícil, mas nunca o deixei de pagar, não queria que me o tirassem.
Os meu amigos conhecem-me pelo carro, a porteira da minha empresa conhece-me por ele.
Eu sou a gaja do Vitara.
Hoje, 14 anos depois desse dia, ainda sinto mesmo. Mas também sei que chegou o tempo de nos separar e que o novo membro automóvel está a chegar à família.
Não sei sinceramente como vai ser, quando eu o vir afastar-se com um outro alguém, sinto que me vai partir o coração.
Passei tanto com aquele carro... Fui feliz e extremamente infeliz, chorei muitas vezes ao seu volante quando a vida me pregava partidas.
Chorei muitos euros quando tinha alguma reparação para fazer, pneus para trocar e muitas, mas mesmo muitas peripécias nos dias em que tive com ele.
Sabem, no dia do meu casamento eu tinha uma vontade, que era eu mesma chegar à igreja ao volante daquele carro. Não me deixaram...
Sei que vou troca-lo por outro que não vai ser realmente meu. O meu carro de todos os dias.
Hoje vai ser o dia em que vou mima-lo, se calhar pela ultima vez.
Deixa-lo reluzente para que outra pessoa se apaixone por ele...

Sei que muitas pessoas que vão ler isto, e vão achar ridícula, mas não faz mal. Mais vale chorar agora do que no momento em que tiver de me separar dele.
Não espero que compreendam, mas que respeitem.

Best of Love.
Cheers :)

Elune | A Vida Com Uma Loira Canina #33


A nossa sala cá em casa até tem uma área até generosa, o suficiente para ter tudo o que é suposto na mesma. Eu e o B fazemos todas as nossas refeições na sala e quando estamos sentados à mesa fica uma largura generosa entre as nossas cadeiras e a parede.

Já mencionei várias vezes os medos da Elune.
Basta uma saquinha no chão para a impedir de passar para lá da mesma. Só uma misera saca e chega. Pode ser vazia e amarrotada no chão. É suficiente... mas como estava a relatar, sobra um espaço generoso entre a cadeira e a parede. A Elune quer sempre passar para perto do local onde estamos a fazer as nossas refeições e não é capaz de passar entre a minha cadeira e a parede a não ser que haja espaço para passar ela e um camião TIR também.
Muitas vezes estou distraída a comer ou a conversar e sinto um nariz "cutucar-me" na perna... Sim, a mini-Golden bate me com o nariz para que eu quase me meta debaixo da mesa para a deixar passar para o outro lado. Sempre. Ao B, não o faz, tanto que ela já nem vai para o lado dele que seria o lado mais lógico para passar. Não, tem de vir sempre ter com a desgraçada da gaja que está a tentar comer.
Depois senta se ao lado da mesa e espeta a batata preta que tem no fim do focinho no ar, à espera que caia alguma coisa, ou então deita-se por baixo da mesa impedindo me de esticar as pernas....

E é isto...

Best of Love,
Cheers :)

ExpoCosmética 2015


Este ano também vou como blogger.
Sabem, podia estar a aqui a relatar-vos do que vai acontecer e mimimi, mas na verdade há dezenas, senão centenas de outras bloggers a dizer o mesmo....
Mas querem saber a verdade? Além do programa que me enviaram, eu não sei porra nenhuma do que vai acontecer....
É a primeira vez que isto me acontece. Eu sou uma blogger bicho-do-mato-que-ninguém-reparou-que-existe e além do mais devemos ser tantas que até se devem confundir umas às outras.
No ano passado fui como uma visitante como qualquer outra e sem pressões vi tudo o que queria.
Este ano não sei como vai ser.
Sei que há pelo menos uma Blogger que me vai ajustar os passos nesta nova experiência. E com ela tenho aprendido muito.
Admito que tenho altas expectativas para o meu primeiro evento. Espero que não me saiam frustradas.
Anyway, se por um acaso, passarem por lá e virem uma gaja de cabelo vermelho, com ar de que não sabe o que está a fazer, sou eu. Aproximem-se, apresentem-se e confortem-me. hihihih

Para informações basta consultarem o site da ExpoCosmética, aqui.


Mais Novidades?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...