Páginas

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Gaming | The Last Of Us


Considerado por muitos, o melhor jogo de 2015, esta remasterização surpreende pela qualidade dos gráficos e cenários e pelo nível da inteligência artificial, quer das outras personagens, quer dos próprios inimigos.
Mais uma novidade, para mim, nos mundo dos videojogos é o facto do jogo ter a opção de ser jogado com legendas e áudio totalmente em português.
O jogo contém linguagem forte como "foda se" e "merda" pelo meio, entre outro calão.

Joel, um homem nos seus vinte e muitos, trinta anos, juntamente com a filha, Sarah, enfrentam um cenário apocalíptico, quando uma doença misteriosa provocada por um fungo, transforma os seres humanos em... bom... zombies.
Na confusão da fuga e pânico, Sarah, acaba morta por um tiro disferido por um militar.

O jogo, então, avança 20 anos para adiante, agora já num cenário pós-apocalíptico e desolador, muito á semelhança da famosa série "The Walking Dead".
Joel, ainda amargurado pela morte da filha, tornou-se uma espécie de contrabandista, fazendo entregas clandestinas, quando juntamente com a companheira de então, Tess, uma mulher com mais tomates que muitos homens, recebem uma entrega especial, uma jovem, de seu nome, Ellie, que deverá ser levada até uma facção rebelde, os Pirilampos, por motivos desconhecidos. E o jogo desenrola se a partir dali.

Com o custo emocional de perder pelo caminho personagens que se tornam importantes, inimigos que podem aparecer em cada esquina e zonas em que apenas se vê o circulo da nossa lanterna, o jogo é emotivo, assustador e envolvente, embora tendo como assunto de fundo um tema já rebuscado.

Exclusivo para a mais recente consola da marca Sony, é sem dúvida um jogo a não perder.

Cheers :)
Andy

Sem comentários:

Enviar um comentário

express yourself! :)

Mais Novidades?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...