Páginas

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz 2011


O blog Cats Meow and Horse's Paw deseja a todos um feliz e próspero Ano Novo e que sejam sempre muito felizes!

domingo, 26 de dezembro de 2010

Algo diferente.


Hoje dediquei me á cozinha... lolol não foi nada de mais.... fiz as minhas famosas rabanadas com  doce de ovos que a minha mãe tanto me pediu e para jantar fiz o minha massa com atum e cogumelos de comer e chorar por mais....  Aqui a malta repetiu :)
Cheers:)

Por vezes penso...


Às vezes dou por mim a pensar no que estará por trás do novo ano... O que ele irá trazer? Novas Alegrias? Novas tristezas? Novas portas por abrir, ou portas que se vão fechar? Ciclos que se fecham e outros que se iniciam? Ou talvez seja mais um ano que irá passar, incessante como tantos outros? O que será do futuro? Para onde irei? Quantas vezes irei sorrir e quantas mais irei chorar? Mas também penso no passado... como teria sido se eu tivesse tomado outras decisões? Outros caminhos? Se eu tivesse apreciado a vida de outra forma?
Como seria? Como será?

Para experimentar.



Agora que vai chegar a festa de Ano Novo e vamos querer estar bonitas para entrar no ano novo em grande, deixo cá mais uma dicazita...
Confesso que sempre quis experimentar e o resultado final é fantástico.
No outro dia comprei e experimentei: Pestanas Falsas....
Os olhos parecem que se transformam e ficam com um efeito muito mais dramático...
Comprei as minhas na Claire's (fica a publicidade) por 4,95€... Muito acessível, mas existem nas mais variadíssimas marcas como a MAC, a Sephora etc... o pior mesmo é a colocação que é um pouco traiçoeira, mas após algumas tentativas lá consegui coloca- las.
Existem muitos modelos á escolha e ao gosto de cada uma.... eu escolhi estas para experimentar.
Espero que gostem.
Cheers :)

sábado, 25 de dezembro de 2010

Feliz Natal!!


Ai ai o Natal... Mais uma meia noite... tanto freneticismo para uns minutos de alegria ao abrir as prenditas... 
Espero que todos tenham tido um óptimo Natal cheio de coisinhas boas e momentos felizes.... Venha agora o novo ano!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

O primeiro banho muahahah


Todos os donos de gatos sabem do que falo. Ter um gato não é propriamente um mar de rosas mas torna os dias muito mais interessantes e divertidos.
A minha gata tem uma "panca" pela minha mão. Sempre que eu tento dormir com uma mão de fora dos cobertores lá sinto a Wrimi a preparar se para ataca la. Mordisca, arranha, da lhe "coices". Enfim... gatos.
Até que por fim tive a minha vingança. Estava a preparar me para tomar o banho do dia quando vejo que a minha assaltante vem atrás de mim...
Ficou a ver o que eu estava a fazer do lado de fora da banheira com aqueles grandes olhos azuis e foi quando eu pensei: precisas de um banho muahahaha. Peguei nela e bora para o banho! Coitadinha, ficou tão surpreendida quando sentiu a água quente nas patitas que se encostou a mim e assim tomou banho, encostada ao meu peito.
Surpreendentemente, não arranhou, não gritou.
Parecia uma salsichinha dissecada quando saiu da água.... a tremer como varas verdes... Enrolei a numa toalha e aninhei a junto a mim como se fosse um bebé... Via se bem pelos seus olhos que ela estava furiosa comigo e que mais cedo ou mais tarde iria vingar se tanto de mim,como da minha mãe, que se ria a bandeiras despregadas daquela cena...
Mesmo depois disto, parece que não aprendeu, pois todos os dias tenho uma gata pestaninha ao lado da banheira...
Cheers ;)

Num instante fulminante de um olhar III


Os dias passavam e nada mais acontecia.... cansada de esperar, decidiu tomar as rédeas da coisa. Decidiu escrever num post-it o número de telefone dela. Mas como lhe entregar?... Surgiu lhe uma ideia.... entregou o á bibliotecária a quem pediu o favor de lhe entregar.... Depois do favor pedido, arrumou as coisas e foi embora a pensar que talvez aquela tenha sido a maior idiotice que alguma vez tenha feito.... Mas no entanto as horas passaram e o telefone não tocou... Os dias passaram e o telefone não tocou... não pelo menos que ela visse que era ele....
Bem, pensou ela, ou ela não lhe entregou ou ele não o quis....
Ela nunca deixou de se sentir um pouco idiota por te lo feito.
Parece que esta história terminou antes mesmo de começar....

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

É preciso paciência


Ultimamente não me tem apetecido escrever.... o que é uma chatice, porque eu adoro escrever... 
Bem, quem me conhece, sabe que eu sou muito calma, mas hoje o meu mau-feitio veio ao de cima.... Se há coisas que eu detesto nas pessoas é a fanfarronice barata e a mania da perseguição... 
Pois é, eu bem sei, que não somos todos iguais e que cada um é como é... Mas quando alguém passa a vida a queixar se da vida e do nosso país, sinceramente isso tirou me do sério.... Sim, é verdade que temos um país que, pronto, não trabalha com a maior eficiência, que cada um puxa para si, que quem se lixa é sempre a sardinha miúda etc etc... mas bolas, cansa ouvir alguém constantemente a dizer:  porque o português é assim, é diminuto, é um burro do caraças, que os portugueses só roubam o estado á custa dos subsídios, os países estrangeiros é que são bons etc etc...(o que é mais parvo é que é um português a dizê lo e que admitiu abertamente que ganha dinheiro e que não faz descontos sobre ele....) ora eu sendo portuguesa também me incluo no grupo e claro tive de me manifestar sobre a grande idiotice que estava a ser dita e aconselhei o que em vez de ler as letras gordas do jornal e do telejornal, que tirasse um pouco de tempo para ler os factos da coisa, e que se ele fosse viver para os outros países com aquela mania que eu é que sei e aquele "paleio de saco" de conhecimento superficial, vinha lá mais humilhado que o Benfica veio cá do Porto.... (desculpem mas eu tinha de dizer isto! lol)
Enfim, ter de levar com pessoas destas ao fim do dia, permitam me dizer: é dose!!
O que vale é que amanhã é o ultimo dia que vou ter de levar com aquela personagem....
Deus é grande!!! lol

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Hackada


Que nervos!!!! Desperdício humano, esta gente que tenta roubar e usufruir o que é dos outros!!!!
Tenho uma conta do conhecido jogo World of Warcraft, mas que deixei de usar desde Julho, hoje recebo uma sms a dizer-me: AHHH eu sabia que ias voltar ao vício.... Imaginei logo.... Hackaram me a conta!!! GRRRR 
Nem sabem de como me apetece dizer nomes feios, pragas e tudo mais..... Apetece me espancar alguém!
Enfim, espero que a Blizzard, empresa responsável pelo jogo, me reponha os meus items direitinhos, que alguém andou a apagar.... A ver vamos....
UIIII apetece me espancar alguém!!!!

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Ai o frio, o frio!


Hoje tive a "excelente" notícia de que as temperaturas vão baixar ainda mais... já não me chega a tosse que me está a atacar, com  as temperaturas ainda mais baixas, vai ser o fim do mundo em cuecas! lololol e o pingo já teima em aparecer....
Agasalhem se bem :)
Cheers :)

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

O clube da Ferradura


Como toda a gente sabe, pois fiz questão de o publicar aqui, eu no sábado fui ao CSI (concurso de saltos internacional do Porto), que se realizou na Exponor.
Fui no sábado, pois achei que era o melhor dia e sabia o porque tinha visto o programa, é claro...
E isto vem a propósito de? Como consultei o programa, vi que todas a provas, á excepção da corrida de póneis era realizada por adultos ou jovens adultos com 18 anos ou mais. Então houve algo que não me entrou na cabeça.... O facto de haver tantos miúdos adolescentes e crianças desde os 10 ate aos 16 anos, (por ai), vestidos como se fossem montar... com  as suas calças de montar beges, pretas ou brancas, com meias por cima até aos joelhos e sapatilhas, Normalmente usa se essa vestimenta antes ou depois de montar, pois quando chega a hora de montar basta calçar as botas ou as polainas e siga... Devido ás botas serem apertadas ou demasiado quentes no Verão, normalmente é assim que eu e todos os cavaleiros que eu conheço andam antes de montar...
Eu vou ser mázinha, mas eu chamo a esses miúdos, o Clube da Ferradura e como não podia deixar de ser... lá estavam eles no CSI com a sua vestimenta de tipo: olha para mim, eu vou montar e tenho um cavalo, faço parte de algo...
Caramba, eu também sou cavaleira e não vou para um evento como se fosse participar e mostrar as pessoas que também faço parte desse mundo.
Penso que é pelo facto de se sentirem que são parte de algo ou de alguma coisa... para serem reconhecidos, o que também me fez lembrar de um documentário que uma vez vi acerca dos cowboys do Oeste, em que os cowboys wannabe usam as texanas, os cintos com a fivela gigantesca e os chapéus enormes na cabeça, participam nos rodeios em que os animais são maltratados em que muitas vezes partem as pernitas devido ao facto de destes cowboys wannabe os laçar pelas pernas, tudo apenas para serem vistos. E depois há os verdadeiros cowboys, estes usam botas tipo timberland, chapéus trucker e não laçam os animais da mesma forma, não havendo qualquer tipo de maltrato com o animal....
Naquele dia, sim eu comparei esses miúdos que só estavam vestidos assim  para serem vistos e os verdadeiros cavaleiros que não estavam á vista e sim junto dos seus cavalos a preparar se o melhor possível para a prova seguinte.
Serei eu a única a reparar nisto?!
Há coisas neste mundo que eu acho muito estranhas, mas pronto....
Cheers :)

Uma nova perspectiva


Hoje tive a oportunidade de ler um portefólio de uma pessoa que acabou hoje o processo de RVCC. Para quem não sabe, o processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências (RVCC) permite aumentar o nível de qualificação escolar (RVCC Escolar) e profissional (RVCC Profissional) da população adulta, através da valorização das aprendizagens realizadas fora do sistema de educação ou de formação profissional.
No fundo, consiste em escrever as nossas experiências, tanto pessoais e profissionais e o que aprendemos com elas.
De qualquer das formas, como eu estava a dizer, tive a oportunidade de ler este portefólio bastante extenso em pouco tempo, em apenas algumas horas e só veio confirmar o que eu eu já sabia. Que esta pessoa que o escreveu é de um coração do tamanho do mundo e de uma beleza interior indescritível, não só pelo amor imenso que tem aos seus filhos, especialmente á sua jovem filha, que padece de Mielomeningoncele (mais conhecida como Spina Bífida, é uma malformação congénita da coluna vertebral da criança, dificultando a função primordial de protecção da medula espinal, que é o "tronco" de ligação entre o cérebro e os nervos periféricos do corpo humano. Quando a medula espinal nasce exposta, como na Mielomeningocele, muitos dos nervos podem estar traumatizados ou sem função, sendo que o funcionamento dos órgãos inervados pelos mesmos (bexiga, intestinos e músculos) pode estar afectado), mas também pela sua simpatia e pela sua coragem, perante as adversidades da vida. 
Hoje dou lhe os parabéns pelo belíssimo trabalho escrito, pelo sentimento expresso e pela nunca finita vontade de aprender e não descansar á sombra da bananeira. É um grande prazer conhecer te e que tudo de bom te aconteça na vida, pois por esta experiência tive a oportunidade de verificar que, ás vezes coisas boas acontecem a pessoas boas, como é o caso aqui presente.
Com uma grande beijoca, aqui me despeço por hoje.
Cheers:)

domingo, 12 de dezembro de 2010

De volta :)



Estou de volta...
Bem, não foi mau, mas não posso dizer que foi o melhor evento equestre que já assisti... o recinto era muito pequeno, havia o local das provas e o recinto da alimentação, que por acaso tinha uma grande diversidade de comida... desde Sushi (O.o), pasta e até gastronomia da serra de Estrela. Faltou algo muito importante.... o contacto com os animais... não havia um único cavalo á vista senão aqueles que entravam em prova. E o acesso aos estábulos era restrito, o que acho que é uma grande falha, pois até podia não ser os cavalos dos concorrentes, mas pelo menos alguns que pudessem regalar as vistas e as mãozinhas das inúmeras crianças presentes.
Mas nem tudo foi mau... os espectáculos e provas não tinham grandes intervalos de tempo umas para as outras. O espectáculo "Paixão Lusitana" foi agradável, mas muitíssimo curto.
Assisti á prova Tsunami e á Prova Mercedes-Benz, em que vi a famosíssima milionária grega Athina Onasis dar uma queda aparatosa do seu million dollar horse... Bem, pode se dizer que foi aparatosa, pois o cavalo caiu literalmente por cima dela e penso que ela deve se ter magoado mesmo, pois só se levantou passado um bom período de tempo... As melhoras para ela.
Assisti pela primeira vez a uma prova de Horseball e para quem não sabe  o que é, pode ver o vídeo mais abaixo.
Houve o leilão de um pónei Garrano que rendeu 550 euros á operação Sorriso. (os VIP's estavam forretas... pagaram cerca de 2500 euros por uma mesa na bancada VIP mas não foram capazes de dar mais dinheiro para crianças hospitalizadas.... enfim)
No final houve uma corrida de póneis lolol, foi sem dúvida a prova mais divertida deste evento... participou um pónei tão pequenino que parecia uma formiguita atómica...
Não posso deixar de dar os parabéns á nossa Marina Frutuoso de Mello pela brilhante prova:)

Fotos das provas Tsunami e Mercedes-Benz









Fotos e vídeo da Prova de Horseball






Paixão lusitana













Leilão do pónei Garrano
(este leilão era aberto ao público geral, ou seja, até eu poderia compra lo. Se tivesse dinheiro, cof cof)

Corrida de Póneis. O pónei vencedor era um Garrano.

Peço imensa desculpa pela qualidade das fotos, preciso de comprar uma máquina de jeito....
Cheers :)

sábado, 11 de dezembro de 2010

Indo eu, indo eu...

Bem cá vou eu a caminho do CSI... a todos que gostam de cavalos, eu depois posto aqui os vídeos e as fotos :)
 Cya laterzzz...

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Zombies? e agora?!


Acabou hoje a minha série favorita... não posso dizer que me agradou o final... foi pura maldade, gravarem 6 episódios e porem nos a chorar por mais. Ainda por mais, por ter terminado a temporada da forma que terminou... e o que é pior... é que pelos vistos a segunda temporada só virá lá para Outubro de 2011... BAAHHH...
Eu considero me uma pessoa facilmente impressionável... a adrenalina é como o vinho para mim... basta beber um copo para ficar toda parvalhona. Com a adrenalina é igual... basta um pequeno estímulo para ela me disparar em flecha... quando digo impressionável, é pelo facto de eu não gostar de nada que tenha o mínimo efeito de terror... Sinceramente prefiro ver um bom filme de comédia do que ver tripas a voar ou suspense... Mas!!! ultimamente acho que me têm aparecido "cujones" para ver filmes e séries com um pouco mais de "gore"... ok ok não é bem "gore" para muita gente, mas para mim é um grande passo acreditem... Filmes como Resident Evil e a minha série mencionada acima "The Walking Dead"... Tenho visto coisas que antigamente fugiria a sete pés... e não me sinto mal por isso :)

domingo, 5 de dezembro de 2010

A nossa história



Hoje pensei em contar a história do animal que faz parte da minha vida... como a conheci, como ela entrou na minha vida e me conquistou....
Foi numa noite em que recebi um telefonema da minha mãe a perguntar me onde eu andava.... Depois do meu "Gronf" de me sentir controlada, ela disse me que tinha uma surpresa para mim... O que me apanhou totalmente de surpresa.... Depois de lhe dizer que ia demorar mais um pouco, perguntei lhe se a surpresa ia embora, ela respondeu me que não, que fazia parte da nossa família.... bom eu calculei logo o que seria. Não posso dizer que me agradou, pois todos os animais que eu tive normalmente ficaram pouco tempo comigo, pois a minha mãe não se dá com animais.
Mas compreendi que ela tinha trazido este por mim, por eu me sentir tão miserável como me sentia, mas como eu tinha medo que ela me o tirasse também este, fui para casa completamente escudada de sentimentos por aquele animal... Porque aquilo que eu amo, acabo, invariavelmente por perder.
Quando cheguei a casa e olhei para aqueles olhos azuis magníficos, perdi me amores e não trocaria os momentos que tenho tido com ela por nada.... 
Os momentos em que estou sozinha e ela é a minha única companhia, quando chego a casa e ela lá está á porta á minha espera, que me segue para onde quer que eu vá. Acompanha me quando eu vou fazer o meu lanche a meio da noite, quando vou tomar banho ou quando está muito frio encosta se a mim para se aquecer...
Não houve nenhuma noite até hoje que eu não tivesse a companhia dela e quando não sinto o peso dela por cima dos cobertores, sinto que me falta algo. A nossas brincadeiras, os beijinhos á esquimó, a forma estranha como ela adormece muitas vezes, quando estou deitada de lado e ela adormece na curva da minha cintura...
E como ela me acalma só de passar a mão pelo pêlo dela.... Deus sabe como muitas vezes preciso disso....

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Concurso de Saltos Internacional do Porto 2010



Há dias que mais vale ficar em casa, descansadinha, quietinha lol hoje parece ser um desses dias.... enfim...
Bom, aparte de eu ter ficado sem comprar os meus livros porque me esqueci do multibanco em casa e ter perdido o meu estojo com as minhas canetas, borrachas e etc, ao passar pelo parque vejo um anuncio enorme do Concurso de Saltos Internacional do Porto de 9 a 12 de Dezembro... Já foi uma boa notícia... Ao passar os olhitos pelo programa, vi que o melhor dia é sem dúvida o Sábado... Por isso, todos os apaixonados por cavalos deveriam comparecer, não só pelo concurso em que participam muitos dos melhores cavaleiros europeus e pela possibilidade de ver os melhores exemplares da classe Equina... Mas também pelo Show equestre "Paixão Lusitana"...
Eu vou lá estar....
Os preços variam entre os 7,5 aos 10 euros por dia ou 20 a 25 euros pelos 4 dias...
Venda antecipada de Bilhetes disponíveis nos centros Hipicos para os quatro dias a 20 euros e no Ticketline por 25 euros. Preço para o fim de semana 10 euros por dia.
Espero que gostem. 
Cheers.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Ladyhawke (1985) - Theatrical Trailer - © Warner Bros. & 20th Century Fox


Este é sem duvida o filme da minha vida :) é antiguinho mas fantástico... recomendo :)

Num instante fulminante de um olhar II


Mais um dia,  ela dirigiu se como todos os dias desta semana, ao seu local de estudo e ficou na mesma mesa de estudo.... longe da visão dele.... normalmente a mesa perto dele está sempre ocupada...
Será que o vou ver?- pensava ela.... os minutos passavam, 5 minutos, 10 minutos, meia hora e nada...
Talvez ele já deveria ter passado mas ela não o viu, pois tinha os olhos pregados no livro á sua frente.... 
Ás vezes ela achava ridículo esperar por uma pessoa que não conhecia e que apenas gostava daquilo que ele transmitia-lhe.
Finalmente viu-o a descer as escadas e olharam se.... quando ele deixou de estar no ângulo de visão dela, ela pensou: será que terá ido embora?
Tentou colocar aquele pensamento de lado e tentou concentrar se....
Ele subiu as escadas novamente passado 15 minutos e desta vez o olhar cruzou se por mais tempo que eles esperavam e a sensação que tiveram no primeiro dia voltou em força.... Faltava pouco para que ambos se transformassem em cinzas...
Ele tomou coragem para se sentar á sua frente num dos computadores disponíveis, talvez a tentar arranjar coragem para lhe falar. Ela nem levantava o olhar com medo de se desagregar naquele momento... depois de 5 minutos sem nada acontecer, ele levanta se e sai para o seu lugar.
Nesse momento ela levanta o olhar e vê que ele se tinha esquecido do guarda-chuva no parapeito da janela. A vozinha interior dizia lhe: vai, vai lhe entregar, já que ele não tem coragem, toma tu as rédeas.... depois daquela luta interior, ela levantou se, pegou no guarda-chuva e foi.... á medida que se aproximava, ela sentia o coração a querer fugir, tal era a velocidade que ele batia, mas tentou ser o mais confiante possível.
Com um passo seguro,estendeu lhe o objecto e sorriu - Deixaste o guarda-chuva perto do pc.
Os olhos dele pareceram tão surpreendidos e também o sorriso que ele lhe devolveu.
Ela virou se caminhou de volta com sentimento de vitória perante a sua cobardia anterior e pensou: Bem agora a bola está do lado dele....

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Porque está frio e o país está em crise :)



Hoje está um dia especialmente frio.... ia a entrar para o carro quando me apercebi que as minhas mãos estavam geladas.....
Bom a razão pela qual me leva cá a escrever hoje é que com este frio e para quem também trabalha ou está muitas horas num local fechado com ar condicionado, aquecimentos, etc, fica normalmente com os lábios secos e com aquelas pelezitas... que são causados não só pelo ar condicionado, mas também pela falta de hidratação, por isso, não é por estar frio que vamos deixar de beber águazita....
Bom como o facto de ter lábios secos é o meu problema e o de muita gente e como o país, como se diz, está em crise, decidi deixar aqui o meu contributo para uma receitazinha, digamos, mezinha para ajudar a suavizar os lábios, sem ter de gastar quase dinheiro nenhum e com ingredientes que a maioria das pessoas encontra em casa.
Ora vejamos, para fazerem esta mezinha, precisam:
1 colher de chá de açucar
2 colheres de sopa de mel
um bocadinho de vaselina
Um recipiente pequeno para misturar tudo

Com uma colher ou um pauzinho misturam tudo e colocam nos lábios como se fosse um bálsamo com a ajuda dos dedos.
Fazer uma ligeira massagem gentilmente e depois retirar com um lenço de papel ou passar por água e VOILÀ!
Num instante, volta se a ter lábios suaves e prontinhos para o bâton hidratante e maquilhagem :)
Eu pessoalmente já experimentei e comprovei... muito bom e se for com produtos orgânicos, ainda melhor, mas isso compromete o facto de ter se de gastar mais algum dinheiro...
Espero que gostem e até já. :)

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Num instante fulminante de um olhar



Ela sentou se na mesa mais recôndita da biblioteca junto á janela. Não lhe estava a apetecer rever a matéria toda, pensava ela, ao olhar para o enorme livro de química que tinha entre as mãos, pousadas na mesa. Sabia que alguém estava na mesa ao lado, mas não lhe prestara grande atenção, como sempre fazia com toda as pessoas que se sentavam nas mesas ao lado.
Até que algo lhe disse para olhar para a sua direita, ela olhou e viu aqueles olhos azuis que olharam para ela ao mesmo tempo. O olhar deles suspendeu se um no outro durante segundos que pareceram intermináveis. Quando desviaram o olhar, ambos tiveram a sensação que se continuassem a olhar um para o outro seriam fulminados e nada mais restaria, senão cinzas para contar a história.
Durante aquelas horas que ali estiveram sentados um ao lado do outro, cruzaram os olhares várias vezes, mas sempre com a tímidez á mistura e de forma muito fugidia. 
Ela reparava que sempre que ele se levantava para fazer a sua pausa para aliviar a cabeça dos estudos, em como ele pegava no seu relógio e o colocava no pulso e saia e como eles se olhavam sempre que ele voltava. Até que houve a altura em que ele se levantou, colocou o relógio, arrumou os livros e saiu.....
Ela acharia que, apesar daquela sensação, passado uns minutos voltaria a ser um dia normal, como tantos outros que passavam por ela, um atrás do outro.
Mas quando finalmente ele saiu do seu ângulo de visão, ela sentiu um pouco de vazio dentro de si, como se lhe tirassem algo....
Até que também ela arrumou as suas coisas e saiu... 
Passados uns dias não deu grande importância á coisa.
Até ao dia em que ela o voltou a ver novamente e todas aquelas ideias voltaram á sua cabeça... uma atrás da outra.
Na mesma biblioteca, na mesma mesa, mas infelizmente, a mesa ao seu lado estava já ocupada... não teve outra escolha que sentar se noutra sala, longe do seu ângulo de visão. Não passou muito tempo até ele aparecer, fazendo as coisas mais simples como ir á casa de banho, fazer pausas mais vezes e até usar o elevador, que ficava atrás dela e que obrigatoriamente ele teria de lá passar embora as escadas ficassem três vezes mais perto.
Todas as vezes que se encontraram não conseguiam desviar o olhar, uma e outra vez... 
Mas de todas as vezes, não conseguiam falar um com o outro, ele talvez por falta de coragem e ela por não a ter....
Como irá esta história terminar? Teremos de esperar para ver....

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Ontem aprendi

Ontem aprendi duas coisas... a primeira toda a gente falava dela mas nunca tinha sentido isso em primeira mão.... e a segunda foi me dita por uma pessoa improvável....
Ontem aprendi que o mundo é pequenino.... nunca tinha me apercebido disso, como eu já tinha dito, mas nunca tinha experimentado em primeira mão....
E ontem disseram me que tinha os olhos muito expressivos.... se vocês estão a pensar que foi um rapaz que o disse como frase de engate, não podiam estar mais enganados.... Foi um indivíduo do sexo feminino.... lololol e não foi como frase de engate, posso estar descansada lolol
Bem embora lá atirar me mais um pouco aos livros... Tem de ser, e como já disse anteriormente... o que tem de ser, tem muita força

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Mais um dia...

Tenho a ligeira impressão que apesar de estudar bastante tempo hoje e ter feito algumas pausas pelo meio que esse tempo não me compensou muito... Bem se calhar é só mesmo uma impressão lololol além de estar com umas dores de cabeça que nem posso.... enfim... melhores dias virão com a cabeça menos latejante :)

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Que sono!!!



Estas longas horas de estudo na biblioteca dão me cá um sono.... mas é o sítio mais calmo que eu tenho para estudar e não ter de aturar grandes melgas lá em casa lolol Além do mais tem internet á borla que é como quase eu estar em casa.
Daqui a pouco vou ter de levar o meu rabo preguiçoso para as aulas.... meter me no trânsito.... grrrr mas tem de ser... e o que tem de ser, tem muita força lolol.

sábado, 20 de novembro de 2010

Dias de chuva no clima da vida


Ás vezes acho piada a como nós caracterizamos um dia bom ou dia mau...
Aqueles em que nada nos corre bem? Porque? Porque é que uns dias as coisas correm bem e nos deitamos com aquela sensação boa de sucesso... e no dia seguinte ou uns dias depois o dia corre nos mal e nos deitamos como se tivéssemos o peso do mundo  nos ombros?... Ás vezes por coisas tão idiotas como acharmos que uma pessoa nos olhou de forma mais negativa.... Porque não se pode pensar que todos os dias são bons? Que no fundo aprendemos algo com os dias de "chuva" da vida.... Faço estas questões pertinentes, pois tenho noção que há muitos dias chuvosos no clima da minha vida... Óbvio, mas também é verdade que muitas vezes me sinto mal, porque houve algo ou alguém que me fez sentir assim.... porque não dar o troco também?.... Ninguém tem o direito de me fazer sentir mal ou pior... por muito acima de mim, ou não, hierarquicamente essa coisa ou pessoa esteja... 
Sou quem sou e é óbvio que não agrado tanto a gregos como a troianos, mas a quem tenho mesmo de agradar é a mim mesma....

Tenham um bom dia de chuva :)

Mais Novidades?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...